Quem é a mãe desse revisor?

Em primeiro lugar, peço desculpas aos revisores, pois sei que o texto sobre o qual falarei não passou por revisão. O hábito dos escrevedores de internet, principalmente os que têm canudo de jornalismo, é eles mesmos escreverem e publicarem, sem passar pelo crivo de outro profissional. Mesmo sabendo disso, mantenho o título, apenas para ressaltar Leia mais… »

Acorda o revisor! (7)

Este sono profundo foi encontrado hoje pela manhã no UOL: “Fora, Temer!” é uma expressão, uma palavra de ordem, um clamor, algo dito pelas pessoas e citado na frase. Portanto, deveria ser identificado desta forma: entre aspas, inicial maiúscula e finalizada por exclamação. Ou seja: Procurador do Paraná encerra discurso com “Fora, Temer!” Mas o Leia mais… »

Acorda o revisor! (2)

Veja o perigo de você receber um jato de spray de tinta biológica. Ele pode provocar um infarto! A necessidade de reler o que foi escrito é essencial para não haver ambigüidade. O que o redator pretendeu dizer foi: Após infarto, coração é curado com spray de tinta biológica. Dica: releia sempre o que escreveu; Leia mais… »

Acorda o revisor! (1)

Desculpem pela longa ausência. Não foi por falta de cochiladas de redatores e revisores, não. Para não haver tanta ausência de artigos, criei o Acorda o revisor! Serão artigos pequenos, com dicas rápidas, certeiras, para ajudar você a escrever melhor. Para começar, esta pérola: Pois é: para o redator (com a aprovação do revisor) da Leia mais… »

Duas cochiladas

Quem acompanha o Que falta… sabe que o Yahoo é nosso campeão de cochiladas. Então, para comemorar o retorno às atividades e a inauguração da página no Facebook, com vocês, o Yahoo em dose dupla! Cochilada 1: Onde está a crase? A crase é assunto complicado (já tratamos dela aqui), com certeza, mas há alguns Leia mais… »