Muitas lições com uma cochilada só

Prezados, desculpem-me pela falta de novas publicações no blogue. Tenho feito publicações menores diretamente em nossa página no Facebook. Mas, pela carência de recursos lá, vou escrever aqui artigos maiores ou que exijam alguma ferramenta que o Zuck não fornece. Recentemente, enquanto buscava resposta a uma dúvida (sim, ninguém sabe tudo sobre nosso fantástico idioma!), Leia mais… »

Unidade da língua?

Uma das desculpas (esfarrapadas) para o tal do Acordo Ortográfico era a de uniformizar a língua portuguesa nos países lusófonos. Lembro-me de ter lido alguém dizer que isso diminuiria, por exemplo, a dificuldade de traduzir documentos da ONU, pois era preciso fazê-los em português do Brasil e em português de Portugal. (Fico me perguntando em Leia mais… »

Quem é a mãe desse revisor?

Em primeiro lugar, peço desculpas aos revisores, pois sei que o texto sobre o qual falarei não passou por revisão. O hábito dos escrevedores de internet, principalmente os que têm canudo de jornalismo, é eles mesmos escreverem e publicarem, sem passar pelo crivo de outro profissional. Mesmo sabendo disso, mantenho o título, apenas para ressaltar Leia mais… »

Acorda o revisor! (7)

Este sono profundo foi encontrado hoje pela manhã no UOL: “Fora, Temer!” é uma expressão, uma palavra de ordem, um clamor, algo dito pelas pessoas e citado na frase. Portanto, deveria ser identificado desta forma: entre aspas, inicial maiúscula e finalizada por exclamação. Ou seja: Procurador do Paraná encerra discurso com “Fora, Temer!” Mas o Leia mais… »