Tropeçou no plural…

Photobucket

O singular de algumas palavras parece esquisito, como patim. Não, não é um pato pequeno de Minas. É o singular de patins. Só que quase ninguém usa (só Saci?). São usados sempre dois, e o substantivo, por isso, vai para o plural: patins. Um patim. Dois patins. Simples assim.

Outra palavra que causa confusão semelhante é óculos. As pessoas não lembram (ou não sabem) que aquilo que se usa na cara é um conjunto com dois óculos e que a palavra é, por isso, plural. “Quebrei meus óculos. Precisei fazer um par de óculos novos. Seus óculos são chiquérrimos, amiga!” Assim, nada de “Quebrei meu óculos. Precisei fazer um óculos novo. Seu óculos é cafonérrimo, amiga!” (a moda muda muito rapidamente…).

É possível que, um dia, óculos venha a ser aceita como palavra singular, dada a dinâmica e as transformações da língua. Por enquanto, é melhor usar como indicado acima.

Abraço.

2 Replies to “Tropeçou no plural…”

  1. Boa tarde, Márcia!
    Obrigado pela visita.
    Agradeço por sua observação, que é válida em alguns contextos. Se você leu com atenção o exemplo dado no artigo, ele registra uma conversa coloquial entre duas amigas. Em momentos assim, de português informal, de bermuda e chinelão, a forma usada é sempre chiquérrimo. Chiquíssimo é a forma culta, de gravata-borboleta e cartola, provavelmente nunca usada numa conversa entre amigas que se amam/odeiam.
    O mestre Celso Luft, em seu magistral ABC da língua culta, registra chiquérrimo como adjetivo de uso familiar, exatamente o modo usado pelas moças que conversavam sobre óculos.
    Ainda sobre a não-existência de um vocábulo, sugiro que você leia este artigo. Poderá ser útil.
    Abraço e volte sempre!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.