Pirataria e cochilada

O Gizmodo publicou uma matéria sobre um americano pego baixando um filme piratamente. Isso é crime, sem dúvida. Mas a chamada também foi.

A redação está errada. Quem é cobrado é cobrado por alguma coisa. Então, “americano é cobrado por baixar…”. Mas para inserir o valor que o sujeito teve de pagar, a frase deveria ser: “Americano tem de pagar …” ou: “Foram cobrados 62 mil dólares de americano por…”. Alguns autores aceitam “Americano é cobrado em …”. Há outras opções, mas uma dessas resolveria.

2 Replies to “Pirataria e cochilada”

  1. Vi o seguinte: “VAMPETA dispara: “ninguém chega e COBRA o NEYMAR!”.” Está errada a frase?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.